O presidente da Rumo, João Alberto Fernandez de Abreu, foi chamado para audiência pública sobre o compartilhamento da malha ferroviária para o Trem Intercidades. O pedido é do deputado Vanderlei Macris (PSDB-SP), que teve requerimento aprovado na manhã desta terça-feira (16) na Comissão de Viação e Transportes da Câmara dos Deputados.

No último dia 3, o Ministro da Infraestrutura, Tarcísio Gomes de Freitas, confirmou na Câmara Federal que a empresa Rumo não tem manifestado interesse em ceder a faixa de domínio da linha férrea, mas afirmou que o projeto do governo do Estado de São Paulo tem relevância econômica, o que o "torna amplamente viável".

Para Macris, a concessionária precisa apresentar sua manifestação oficialmente. "Chamamos o presidente João Alberto para explicar o posicionamento da empresa ao trajeto do Trem Intercidades até Americana. Desde o início do projeto, o transporte tem como linha prioritária São Paulo-Americana, trajeto que tem grande relevância para a população da RMC e não abriremos mão", disse.

Secretário Alexandre Baldy

Em outra solicitação de audiência, esta para debater a utilização das rodovias Anchieta-Imigrantes em feriados e finais de semana, Macris solicitou o acréscimo do tema do trem de passageiros e o convite para a participação do secretário de Transportes Metropolitanos do Governo de SP, Alexandre Baldy. O pedido foi aceito, aprovado e deverá acontecer na mesma sessão da Rumo.

A audiência ainda não tem data definida para acontecer.