*Clipping

Região Hoje - 15/02/2016

Na manhã desta segunda-feira, dia 15 de fevereiro, a prefeita de Sumaré Cristina Carrara, acompanhada dos deputados Vanderlei Macris (federal) e Cauê Macris (estadual) e do secretário municipal de Educação, Paulo Pereira da Silva, visitou a nova Escola Estadual Residencial Bordon, fruto de uma parceria em Município e Governo do Estado de São Paulo. Localizada na Região do Picerno, a unidade de Educação já está funcionando, atende cerca de 700 alunos e ainda está recebendo matrículas de novos estudantes.

*Clipping

Folha de S. Paulo – 13/02/2016

A dúvida que fica da visita de Dilma ao Lula é se o local do encontro vai ser o tríplex do Guarujá ou o sítio de Atibaia - DE VANDERLEI MACRIS (PSDB-SP).

Macris TVMacris TV

PSDB na Câmara – 13/01/2015

Menos de 15 dias depois de distribuir sorrisos, beijos e acenos para a população na posse do segundo mandato, a presidente Dilma Rousseff entrega aos brasileiros a conta de suas desventuras administrativas no setor elétrico – aquele que a projetou para o Brasil e no qual ela promoveu estragos de proporções ainda desconhecidas.

 

Deputado consegue assinatura de todos os líderes da Câmara dos Deputados para que PEC 01/2015 seja incluída na Ordem do Dia

O Conselho Nacional de Secretários de Saúde (Conass), o Conselho Nacional de Secretarias Municipais de Saúde (Conasems) e Secretaria de Atenção à Saúde (SAS), do Ministério da Saúde, trataram, nesta quinta-feira (29), da PEC do deputado federal Vanderlei Macris (PSDB-SP) que eleva o valor mínimo a ser aplicado pela União em ações e serviços públicos de Saúde.

O deputado federal Vanderlei Macris (PSDB-SP) se reuniu nesta quarta-feira (7) com o empresário e ex-jogador de futebol Dadá Maravilha, que está no Congresso Nacional captando recursos para o Hospital da Mulher Prof. Dr. José Aristodemo Pinotti - Centro de Atenção Integral à Saúde da Mulher - Caism/Unicamp.

O Ministro da Casa Civil informou nesta quinta-feira (2) que será publicado no Diário Oficial da União de sexta a criação de um grupo de trabalho interministerial contra o roubo de cargas no país. A informação foi dada em resposta a audiência realizada a pedido do deputado federal Vanderlei Macris (PSDB-SP), que cobra a regulamentação da lei estabelecendo a criação do Sistema Nacional de Prevenção, Fiscalização e Repressão ao Furto e Roubo de Veículos e Cargas - Lei Complementar 121/2006 -, sancionada há nove anos.

2015 05 04 Prefeitura entrega duplicação e já programa a expansão2015 05 04 Prefeitura entrega duplicação e já programa a expansão*Clipping

Todo Dia - 01/05/2015

Autor: George Aravanis

A Prefeitura de Nova Odessa inaugurou oficialmente ontem a duplicação da Rodovia Rodolfo Kivitz. A obra compreende o trecho entre a Rua Maria Pisoni Benincasa, no Jardim Dona Maria Raposeira Azenha, e o trevo de acesso ao Parque Residencial Klavin.

2015 05 04 Nova Odessa inaugura duplicação da Rodolfo Kivitz e anuncia 2ª fase de obras2015 05 04 Nova Odessa inaugura duplicação da Rodolfo Kivitz e anuncia 2ª fase de obras*Clipping

Região Hoje – Santa Bárbara e Região - 04/05/2015

A Prefeitura de Nova Odessa inaugurou oficialmente no sábado a duplicação da Rodovia Rodolfo Kivitz. Durante o evento, os deputados do PSDB Cauê Macris (estadual) e Vanderlei Macris (federal) anunciaram que apresentarão mais R$ 2 milhões em emendas ao Orçamento do Estado e da União para garantir a segunda fase da duplicação, que compreende o trecho entre a rotatória da Apae e a Avenida São Gonçalo. O prefeito Benjamim Bill Vieira de Souza informou que a contrapartida da prefeitura deve ser de cerca de R$ 500 mil.

Leia mais.

*Clipping

Jornal Floripa - 03/03/2016

A Câmara dos Deputados analisa uma proposta que considera alcoólicas todas as bebidas com teor alcoólico a partir de 0,5% (0,5 grau Gay Lussac). A medida está prevista no Projeto de Lei 564/15, do deputado Vanderlei Macris (PSDB-SP). Com a proposta, o deputado espera restringir ainda mais a propaganda de bebida alcoólica. Atualmente, a Lei 9.294/96 classifica como alcoólicas as bebidas potáveis com teor alcoólico superior a 13%, que é o caso da maior parte dos destilados, como a vodca. Só nesses casos é que há restrição de horário para propaganda desses produtos. Cervejas, cujo teor alcoólico gira em torno de 5%, por exemplo, ficam fora da restrição.

Leia mais.


*Clipping

Jornal Floripa - 03/03/2016

A Câmara dos Deputados analisa uma proposta que considera alcoólicas todas as bebidas com teor alcoólico a partir de 0,5% (0,5 grau Gay Lussac). A medida está prevista no Projeto de Lei 564/15, do deputado Vanderlei Macris (PSDB-SP). Com a proposta, o deputado espera restringir ainda mais a propaganda de bebida alcoólica. Atualmente, a Lei 9.294/96 classifica como alcoólicas as bebidas potáveis com teor alcoólico superior a 13%, que é o caso da maior parte dos destilados, como a vodca. Só nesses casos é que há restrição de horário para propaganda desses produtos. Cervejas, cujo teor alcoólico gira em torno de 5%, por exemplo, ficam fora da restrição.

O argumento do parlamentar é que a publicidade tem relação direta com o aumento do consumo e das consequências do abuso, como acidentes, agressões e mortes, principalmente de adolescentes. “Somente a propaganda de bebidas com maior teor alcoólico têm restrição no horário de veiculação. Justamente estas são menos consumidas. Já as bebidas fermentadas [como as cervejas] e destilados de menor teor alcoólico têm divulgação liberada e mexem com o imaginário de crianças e adolescentes com propagandas extremamente sedutoras”, afirma.

Citando dados trazidos à Câmara por especialistas, Vanderlei Macris lembra que 6% de todas as bebidas alcoólicas no país são consumidas por menores de 18 anos e que o consumo de álcool está associado a 29% das mortes de adolescentes.

A matéria tramita em caráter conclusivo e será analisada pelas comissões de Ciência e Tecnologia, Comunicação e Informática; de Seguridade Social e Família; e de Constituição e Justiça e de Cidadania.

Matéria publicada: http://www.jornalfloripa.com.br/emcimadahora/site/?p=noticias_ver&id=30987

*Clipping - Este material não é de autoria da Assessoria do Deputado Federal Vanderlei Macris. São notícias selecionadas que constam a participação do parlamentar.

Em pronunciamento no Plenário da Câmara dos Deputados nesta segunda-feira (14), o deputado Vanderlei Macris (PSDB-SP) declarou que vai cobrar do governo o acordo firmado para esclarecimentos sobre as denúncias de irregularidades envolvendo a Petrobras. Pelo entendimento, caso a presidente da estatal, Graça Foster, não comparecesse à Câmara, o ministro de Minas e Energia, Edison Lobão, deveria prestar explicações sobre a companhia.

A presidente Graça Foster deveria participar de audiência pública nesta terça-feira, dia 15, na Comissão de Fiscalização Financeira e Controle (CFFC) da Câmara, mas irá ao Senado. 

O mês de março registrou novo aumento recorde na inflação: 0,92%. O valor, divulgado nesta quarta-feira (9) pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), é a maior taxa no mês março desde 2003, quando o Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA) atingiu 1,23%. Para o deputado federal Vanderlei Macris (PSDB-SP), o dado concretiza a “incapacidade da equipe econômica da presidente” Dilma Rousseff.

O percentual da inflação de março - 0,92% - avançou bem acima da taxa de 0,69%, assinalada no mês de fevereiro, e de março do ano passado, quando foi de 0,47%.

O deputado federal Vanderlei Macris (PSDB-SP) quer esclarecimentos da relação do 1º vice-presidente da Câmara, deputado Andre Vargas (PT-PR), com o doleiro Alberto Youssef, preso pela Polícia Federal suspeito de participar de esquema de lavagem de dinheiro que teria movimentado R$ 10 bilhões. Vargas pediu licença por 60 dias para “tratar de interesses particulares” nesta segunda-feira (7).

A imprensa divulga, desde a semana passada, informações sobre a relação do 1º vice-presidente da Câmara com o doleiro. Em janeiro, Vargas usou um avião contratado por Youssef para uma viagem a João Pessoa, na Paraíba.

A Comissão Especial da Câmara dos Deputados que estuda mudanças na cobrança do ICMS em vendas realizadas pela internet - Proposta de Emenda à Constituição (PEC) 197/2012- aprovou nesta quarta-feira (2) o relatório do deputado Márcio Macêdo (PT-SE). Para o deputado Vanderlei Macris (PSDB-SP), apesar de reduzir a arrecadação do Estado de São Paulo, a proposta é importante, pois equilibra a renda da federação.

Originária do Senado, a PEC 197 propunha a modificação da cobrança do imposto sobre operações relativas ao ICMS incidente em operações realizadas de forma não presencial e que destinem bens e serviços a consumidor final localizado em outro Estado. 

Governador Geraldo Alckmin (PSDB) anunciou o envio de nove novas viaturas para Delegacia Seccional de Americana – duas Blazers, uma caminhonete e seis Palios. Os deputados estadual Cauê Macris e federal Vanderlei Macris (do mesmo partido que o governador), que recentemente estiveram com o Delegado Geral da Polícia Civil, Maurício Blazeck, solicitando reforços para a Seccional de Americana acompanharam a cerimônia e agradeceram o governador.

A Comissão de Fiscalização Financeira e Controle da Câmara dos Deputados marcou a data para o ex-diretor da Petrobras, Nestor Cerveró, esclarecer o parecer que motivou a compra da refinaria de Pasadena, nos Estados Unidos. Por intermédio do deputado Vanderlei Macris (PSDB-SP), o dia escolhido foi 16/04, data seguinte a ida da presidente Graça Foster na comissão para falar do mesmo tema.

Nesta terça-feira (1º), Macris recebeu carta do ex-diretor confirmando o interesse em explicar o fato.

A imprensa repercutiu audiências com o ex-diretor da Petrobras, Nestor Cerveró e a presidente da estatal, Graça Foster, pedidas pelo deputado Vanderlei Macris (PSDB-SP) na Comissão de Fiscalização Financeira e Controle da Câmara dos Deputados, marcados para os próximos dias 15 e 16 de abril.

Nesta terça-feira (1º), no Plenário da Câmara dos Deputados, o deputado Vanderlei Macris (PSDB-SP) fez um desabafo quanto ao rumo dado ao Brasil pelo PT. De acordo com o parlamentar, o partido que está há quase 12 anos no poder não “teve competência para promover efetivamente um plano para o Brasil”.

Discursando pela liderança do PSDB, Macris criticou a desindustrialização brasileira, a crise no setor energético, o desmonte da Petrobras e a inabilidade gerencial da presidente Dilma Rousseff.

Conversa mediada por Vanderlei Macris (PSDB-SP), ente o vereador Lapena, de Araraquara, e o secretário adjunto da Saúde, Wilson Polara, sobre a criação de um ambulatório de atendimento a queimados no Hospital Estadual de Américo Brasiliense (AME) foi tema de matéria no jornal local.

Final de semana intenso do deputado federal Vanderlei Macris (PSDB-SP), com muitos compromissos, incluindo o município de Araraquara, interior paulista, onde participou, no sábado (29), em evento promovido pelo Conselho Regional de Engenharia e Agronomia (Crea), com mais de 800 convidados, ao lado do presidente da instituição, Francisco Kurimori, e o deputado estadual Roberto Massafera, dentre outros.

A audiência com os ministros do Trabalho e Emprego, da Secretaria-Geral da Presidência da República e da Controladoria-Geral da União (CGU) movimentou a Câmara dos Deputados nesta quarta-feira (26). Em debate com o ministro Gilberto Carvalho, da Secretaria-Geral da Presidência, o deputado Vanderlei Macris (PSDB-SP) destacou que o governo petista faz "política do aparelhamento" e do "paternalismo" com dinheiro público.

Repercutiu na imprensa a aprovação do requerimento do deputado Vanderlei Macris (PSDB-SP) para levar o ex-diretor da área internacional da Petrobras, Nestor Cerveró à Comissão de Fiscalização Financeira e Controle da Câmara dos Deputados. 

O ex-executivo deve esclarecer o caso da compra pela Petrobras de 50% de uma refinaria de Pasadena, por um valor 30 vezes maior do que a empresa sócia teria pago havia um ano.